Facebook

Última Atualização do site:  

12/04/2024 16:48:06

Zmail
Cadastro Rural
ÚLTIMAS NOTÍCIAS /
Visualizada 1888 vezes
Paróquia Santo Antônio de Imbituva celebra 140 anos
Terça-feira, 02 de abril de 2019
 
 

Refúgio de devotos fervorosos, a Paróquia Santo Antônio de Imbituva completa, no próximo dia sete de abril, 140 anos. A história da Paróquia se confunde com a história do próprio município, revelando-se um inesquecível local de propagação de fé e espiritualidade.

Segundo relatos do livro “Imbituva, uma viagem de retorno à terra natal”, de autoria de Edemê de Matos, os primeiros moradores do município logo após escolherem o local para desenvolvimento do povoado do Cupim, decidiram também construir a primeira capela, fundada em 27 de junho de 1871, recebendo como padroeiro Santo Antônio. Uma forma de homenagear o doador do terreno onde foi construída a capela, Antonio Lourenço de Ávila.

Oito anos depois, em sete de abril de 1879, é fundada a Paróquia Santo Antônio. O atual Pároco, Padre Gilson Cezar de Camargo, explica que na época não havia Diocese em Curitiba ou Ponta Grossa, por isso, o Decreto que criou a Paróquia foi pela provisão canônica de Dom Lino Deodato Rodrigues de Carvalho, Bispo diocesano de São Paulo. Os primeiros padres eram de ascendência italiana. O primeiro Pároco foi Miguel Eboli, outros que também se destacaram foram Thomaz Kânia e Marian Litewka.

A historiadora Cleusi Bobato Stadler, autora do Livro “Imbituva e suas Histórias” conta que outras comunidades pertenciam a Paróquia. “As comunidades de Irati,Teixeira Soares e Prudentópolis faziam parte da Paróquia de Santo Antônio, que pertencia a Paróquia de São Sebastião de Conchas (Ponta Grossa)”, permanecendo assim até 1910, quando Imbituva é elevada à categoria de cidade.

O ano de 1920 também ficou marcado na história da Paróquia Santo Antônio. Foi quando o Padre Casimiro José Andrejewski, com a ajuda da comunidade e do juiz local, efetuou vários retoques na edificação da igreja, tornando-a espaço viável para utilização. Tendo em vista, o período de abandono e descaso sofrido pela igreja.

Talvez os paroquianos de Imbituva não saibam, mas a atual igreja matriz é a terceira igreja construída desde o início da história católica no município. “Antes de termos uma Paróquia, foi construída uma pequena capela em madeira, um tanto rústica. Depois se construiu uma segunda, já em alvenaria, bastante ampla. E finalmente esta atual igreja com toda a beleza que ela tem, inaugurada em 1967”, relembra o Pároco Padre Gilson Cezar de Camargo. O projeto, em estilo neo romano moderno, foi criado pelo engenheiro Flavio Younglood, da cidade de Irati, e levou 10 anos para ser finalizado.

Atualmente a Paróquia Santo Antônio conta com sete comunidades na região urbana e mais 31 capelas no interior, totalizando 38 comunidades. Para o Padre Gilson, a Paróquia merece todo respeito e consideração, não apenas por seus 140 anos, mas também, “pela luta dos antepassados imbituvenses que procuraram cultivar a fé católica e nos legaram a beleza deste templo dedicado a Santo Antônio”.

Além de evangelizar e transmitir os ensinamentos da fé, a Paróquia tem a função de ser formadora de consciência. “Ao longo desses 140 anos, sempre a Igreja quis cumprir o seu papel de dar uma identidade aos imbituvenses. Formadora de consciência, formadora das famílias, formadora da juventude, das crianças, com o trabalho pastoral. E aqui estamos nós prestando esse serviço a toda comunidade imbituvense”, finaliza Padre Gilson.

Além dos 140 anos da Paróquia Santo Antônio, em 2019 os imbituvenses também comemoram os 50 anos de ordenação do Padre Pedro Gelinski e celebram a Congregação da Missão – dos Padres Vicentinos, que completa 50 anos de existência como província.

Fonte: Portal Clique - Irati

 
 
 Outras Notícias
VER TODAS
 

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: De Segunda à Sexta das 8:00 às 11:30 e das 13:00 às 17:30

Rua Pref. José Buhrer Junior, 462 - Centro

Cep: 84430-000 - IMBITUVA - Paraná

(42) 3436-1639 - (42) 3436-1342

prefeitura@imbituva.pr.gov.br