Facebook

Última Atualização do site:  

01/07/2022 14:01:24

Zmail
Cadastro Rural
ÚLTIMAS NOTÍCIAS /
Visualizada 266 vezes
Fusão do Iapar pode impactar agronegócio do Paraná, avalia pesquisador
Terça-feira, 15 de outubro de 2019
 
 

O agronegócio nos dias de hoje exige atenção dos produtores com a tecnologia. Por isso, a pesquisa é fundamental para o crescimento da atividade. Aqui no Paraná, o Iapar (Instituto Agronômico do Paraná) atua desde 1972 para fomentar a inovação na produção agrícola e pecuária no estado.

Mas a continuidade das atividades do Iapar pode estar em risco. Tramita na ALEP (Assembleia Legislativa do Estado do Paraná) o Projeto de Lei 594/2019, que prevê a fusão do Instituto com outros órgãos do agronegócio estadual. Na avaliação do pesquisador aposentado do Iapar, Marcos Elias Traad da Silva, caso esse projeto seja aprovado o setor de pesquisas no Paraná pode sofrer impactos negativos.

Projeto que trata da proteção do professor vítima de violência recebe parecer favorável na CCJ
“As atividades das instituições envolvidas podem sim sofrer solução de continuidade por um longo tempo. Este período, aliado à carência de recursos financeiros e orçamentários, é um dos principais “concorrentes” da eficácia no setor público”, avalia Traad da Silva.

O QUE PROPÕE O PL
A fusão envolveria o Iapar com o Emater (Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural), CPRA (Centro Paranaense de Referência em Agroecologia) e Codapar (Companhia de Desenvolvimento Agropecuário do Paraná).

“Deveria haver uma avaliação de riscos sobre as reações e dos resultados pretendidos. Em uma análise mais criteriosa, junto com a inteligência institucional, poderiam ser encontradas alternativas mais efetivas para o governo, e com o devido respaldo da sociedade”, complementa Traad da Silva.

A junção dessas pautas resultaria no Instituto Paranaense de Desenvolvimento Rural. O projeto é de autoria do Governo do Estado, mas ainda não conseguiu sair da fase de discussões dentro da ALEP.

O pesquisador coloca como fundamental a participação dos servidores que trabalham diretamente com o setor de pesquisa e inovação nas discussões desse projeto. “Ainda há tempo para mais reflexões. É preciso apenas ter vontade política de abrir o espaço para mais diálogo”, finaliza Traad da Silva.

Fonte: Paraná Portal

 
 
 Outras Notícias
VER TODAS
 

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: De Segunda à Sexta das 8:00 às 11:30 e das 13:00 às 17:30

Rua Pref. José Buhrer Junior, 462 - Centro

Cep: 84430-000 - IMBITUVA - Paraná

(42) 3436-12 33

prefeitura@imbituva.pr.gov.br