Facebook

Última Atualização do site:  

28/01/2022 16:05:30

Zmail
Cadastro Rural
ÚLTIMAS NOTÍCIAS /
Visualizada 374 vezes
Laudo da Carne Fraca aponta excesso de amido em salsicha e calabresa
Quinta-feira, 23 de março de 2017
 
 

 Um dos laudos técnicos apresentados pela Polícia Federal (PF) usado para desencadear a Operação Carne Fraca, aponta excesso de amido em quatro amostras de salsicha e em duas amostras de linguiça calabresa produzidas pela Peccin Agro Industrial.

A operação apura o envolvimento de fiscais do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) em um esquema de liberação de licenças e fiscalização irregular de frigoríficos.

Todos os produtos analisados foram considerados “desconformes” pelos peritos, de acordo com o que diz a legislação brasileira vigente.

No caso da salsicha, o amido é permitido, mas extrapolava a quantidade máxima estabelecida. Já no caso da linguiça calabresa, não há indicação do uso previsto.

“Todas as amostras periciadas apresentaram amido em suas formulações, aditivo com limites não previstos pela legislação vigente para tal produto e, ainda, não declarado na rotulagem das amostras”, diz relatório sobre a análise das linguiças calabresa.

De acordo com Ana Maria Bridi, engenheira agrônoma e coordenadora do Grupo de Pesquisa e Análise de Carne da Universidade Estadual de Londrina (UEL), no norte do Paraná, o amido é um componente que não faz mal à saúde. Para a professora, o problema está em uma fraude que atinge o consumidor.

“[A empresa] está vendendo proteína, se você coloca amido, que é um produto mais barato, é uma fraude na composição do produto”, explica.

A linguiça calabresa com amido, que não tem previsão do item na composição, pode ser prejudicial a uma pessoa que está fazendo um controle muito rigoroso do consumo de glicose, por exemplo, explicou a pesquisadora.

Aditivos

Uma amostra de salsicha também apresentou níveis superiores aos índices de referência de nitrito e nitrato. Segundo o laudo, no caso desses aditivos, é considerada a soma da quantidade de cada um dos produtos não pode ultrapassar o limite máximo para nenhum deles.

Ana Maria explicou que o nitrito e o nitrato são aditivos colocados na composição dos produtos e que possuem duas funções: o controle do crescimento de microorganismos, ou seja, diminuem a contaminação microbiana; e a manutenção da coloração dos produtos.

 
 
 Outras Notícias
VER TODAS
 

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: De Segunda à Sexta das 8:00 às 11:30 e das 13:00 às 17:30

Rua Pref. José Buhrer Junior, 462 - Centro

Cep: 84430-000 - IMBITUVA - Paraná

(42) 3436-12 33

prefeitura@imbituva.pr.gov.br